“É livre a manifestação do pensamento e da expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sendo vedado o anonimato. (CF 88).”

24 de out de 2012

Escândalo de corrupção na Itália envolve o nome de Nelson Jobim, ministro da Defesa no governo Lula

imagem da web

Mais uma vez, o Brasil é alvo de notícias sobre corrupção. Na manhã desta quarta-feira (24), a imprensa italiana deu destaque a um processo de investigação que apura o envolvimento de políticos ligados a Silvio Berlusconi acusados de participação em estranha negociação para fornecer onze fragatas ao governo brasileiro, ainda durante a era Lula.
Um dos investigados, o ex-ministro do Desenvolvimento da Itália, Silvio Berlusconi é acusado de adotar métodos de negociação não muito ortodoxos. Durante as investigações, depoentes confirmaram que Scajola era muito ligado ao peemedebista gaúcho Nelson Jobim, que ocupou o Ministério da Defesa no governo do ex-presidente Luiz Inácio da Silva.
As autoridades italianas descobriram que não foi apenas com o Brasil que esses corruptos negociaram e que a comissão paga aos interlocutores era de 11% do valor do negócio. Ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Nelson Jobim foi procurado por jornalistas na manhã desta quarta-feira (24) para explicar o envolvimento do seu nome no imbróglio, mas não foi encontrado.


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Você poderá deixar aqui sua opinião. Após moderação, será publicada.

Contador de caracteres