“É livre a manifestação do pensamento e da expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sendo vedado o anonimato. (CF 88).”

2 de nov de 2011

O câncer de Lula: que o ex-presidente não faça, como Chávez, uma exploração obscena da doença


(...)
Imenso ego de volta
O que tem que ver uma mensagem de agradecimento ao carinho e à solidariedade de milhões de brasileiros com sua conclamação a “continuar acreditar no Brasil”, a “acreditar na nossa presidenta, ajudá-la”.
O que tem sua gratidão com nova vinda à tona de seu imenso ego ao dizer, messiânico, que “foi para isso que vim para a Terra, para lutar, para melhorar a vida de todo mundo”?
E o “estou doido para (voltar a) falar aos companheiros”?
E o final, com o “até a primeira assembleia, até o primeiro comício, até o primeiro ato público”?
O Reinaldo Azevedo já tratou desse ponto, à sua maneira.
Vou por outro caminho: por favor, Lula, pare por aí.
Pare por aí.
Para não repetir a obscenidade de Chávez
Não lance mão de sua doença para fins políticos, mesmo que outros — aliados, companheiros, puxa-sacos, o que seja — o façam.
É feio, é imoral, é desonesto, utilizar os sentimentos nobres das pessoas para lucro político ou eleitoral.
Mantenha-se longe do que vem fazendo na Venezuela seu “companheiro” Hugo Chávez com o câncer que a ele acomete – uma exploração quotidiana, piegas, descarada, obscena da doença como forma de fortalecê-lo politicamente para as eleições do ano que vem, como comentei em post anterior.
Em nome do decoro, em nome do que você considerar mais importante, Lula, não avance o sinal.
Leia mais em:

 *************  


 

Pois é... pediu, ganhou!
E agora foge do SUS? Por que estão tão irritados com aqueles que querem Lula atendido pelo SUS? Acreditam que ele morreria com tal atendimento. Aí, dizem que nós é que queremos a morte dele! 
Ironia!

Sou uma das tantas pessoas que querem que Lula experimente o SUS. Não desejo que ele morra. Desejo que ele se cure.
Desejo mais: que Lula reconheça o seu erro! Desejo que Dilma corrija o erro de Lula! E cumpra o que ela própria prometeu em campanha: melhorar a saúde. 
Não é o que se vê. Continuamos assistindo  os doentes  morrerem sem atendimento médico, sem a importante cirurgia, sem o tratamento medicamentoso. Até quando?

Dilma foi curada  pelo atendimento de uma equipe médica e todo o suporte necessário. 
Ela deve lembrar-se disso!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Você poderá deixar aqui sua opinião. Após moderação, será publicada.

Contador de caracteres