“É livre a manifestação do pensamento e da expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sendo vedado o anonimato. (CF 88).”

21 de jun de 2013

Brasil, o protesto que a mídia não mostra

Recebi por e-mail, sem autoria:
Você não acha estranho que as televisões na cobertura dos protestos só entrevistem estudantes que participam das manifestações sobre as passagens e que só mostrem cartazes sobre passagens ou reivindicações amenas? Que não mostrem nenhum cartaz referente aos políticos e nem entrevistem as pessoas que participam desta parte dos protestos?
É natural. Afinal de contas todas as emissoras e jornais estão comprados pelo Governo.
Se você não acredita que a mídia esteja comprada, veja os cartazes que não são mostrados e que representam mais de 60 por cento das passeatas.
A grande mídia (leia-se Globo, Folha de São Paulo, Estadão, Veja, etc.) diz que os estudantes fizeram o protesto pelo aumento nas passagens do ônibus.

Será?

As fotos falam mais que uma hora de noticiário tendencioso.
Não se admirem que a mídia não divulgue a passeata. 
Houve várias passeatas no passado, contra o mesmo LULA, que sequer foram mencionadas no pé de algum jornal. 

Fotos de protesto na Avenida Paulista (ALC-MR-EDF)










Em Brasília, milhares de manifestantes pedem a prisão de Dirceu 



Mensagem via Facebook:



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Você poderá deixar aqui sua opinião. Após moderação, será publicada.

Contador de caracteres