“É livre a manifestação do pensamento e da expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sendo vedado o anonimato. (CF 88).”

21 de out de 2012

As mãos sujas de Lula





No Amapá, ex-presidente defende em vídeo reeleição do prefeito Roberto Goés (PDT)

O pedetista foi preso em 2010 por causa da Operação Mãos Limpas, da Polícia Federal

Chamou a atenção na noite de hoje (18.out.2012) a propaganda política do candidato à reeleição como prefeito de Macapá Roberto Góes (PDT). Surgiu na tela o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva dizendo o seguinte:

“Aqui em Macapá, apoio o Roberto para prefeito. Porque é preciso que toda cidade seja um pequeno pedaço do novo Brasil que estamos construindo. Um Brasil forte e cheio de vida, onde as pessoas caminham com uma confiança cada vez maior para realização dos seus sonhos. E para que este Brasil continue melhorando, é necessário garantir o avanço de cada município brasileiro. Por isso, dia 28, vote 12. Vote Roberto”.

Góes foi preso em dezembro de 2010  pela Polícia Federal no âmbito Operação Mãos Limpas, da Polícia Federal, que investigava um suposto esquema de desvio de verbas federais no Amapá por políticos, funcionários públicos e empresários do Estado.

Roberto Góes recentemente também tentou impedir, na Justiça, que a mídia noticiasse o episódio de sua prisão.

Em resumo, Lula está apoiando em Macapá um prefeito que foi preso em 2010 e que tenta impedir na Justiça notícias a esse respeito.

O outro candidato a prefeito no segundo turno em Macapá é Clécio Luis (PSOL).

Fonte:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Você poderá deixar aqui sua opinião. Após moderação, será publicada.

Contador de caracteres