“É livre a manifestação do pensamento e da expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sendo vedado o anonimato. (CF 88).”

22 de nov de 2011

FHC critica ‘moda’ de ONGs para obter ‘dinheiro para corrupção’

viaJorge Roriz - http://wp.me/p6Q8u-cVF
Sem citar casos específicos, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou na manhã desta segunda-feira (21) o que chamou de "moda" de ONGs (organizações não governamentais) criadas para "obter dinheiro para a corrupção".
Escândalos envolvendo essas instituições já levaram à queda de dois ministros do governo Dilma Rousseff (Pedro Novais, do Turismo, e Orlando Silva, do Esporte) e agora ameaçam o cargo do titular do Trabalho, Carlos Lupi (PDT).
O terceiro setor deveria ser independente do mercado e do Estado. É uma visão oposta do que está tão em moda. [Hoje] Virou ONGs para obter dinheiro para a corrupção", disse o ex-presidente, durante sua palestra no Congresso Brasileiro de Fundações e Entidades de Interesse Social, em São Paulo.
O ministro-chefe da Secretaria da Presidência da República, Gilberto Carvalho, assistiu à palestra. Ele falaria logo depois de FHC.
Após a fala à imprensa, o ex-presidente disse que a quantidade de escândalos envolvendo ONGs, governos e partidos políticos estão maculando a imagem dessas instituições. FHC afirmou ainda que é preciso ampliar a fiscalização e o controle sobre a prestação de serviços dessas entidades, para "reestabelecer a relação autêntica das ONGs, que é de independência".
CASO LUPI
Questionado sobre a permanência do ministro Carlos Lupi no cargo, FHC disse que não gostaria de opinar sobre uma prerrogativa que é da presidente Dilma Rousseff, mas insinuou que Lupi deveria pedir demissão.
"Quanto à permanência dos ministros, eu acho que depois de certo ponto, queira a presidente ou não, o ministro passa a ser um peso", afirmou. "Acho que os próprios ministros deveriam entender que quando perdem condições de permanência, o gesto de retirada é mais construtivo para eles próprios."

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Você poderá deixar aqui sua opinião. Após moderação, será publicada.

Contador de caracteres